Ingresso para estrangeiros com Diplomas não homolados na Espanha

O artigo 6, apartado 2. d) do R.D. 99/2011, do 28 de janeiro, através do qual o ensino oficial de doutoramento está regulado, engloba a possibilidade de aceder aos estudos de doutoramento a quem estejam em posse de um título obtido conforme a sistemas educativos estrangeiros, sem necessidade de homologação, prévia verificação pela Universidade de que está demonstrado que seu nível de formação é equivalente aquele de mestrado e que permite aceder a estudos de doutoramento no país emissor. Esta admissão não implicará, em nenhum caso, a homologação do título prévio do qual o interessado estiver em posse, nem o seu reconhecimento para outros motivos além do acesso ao ensino de Doutorado.

Nestes casos seguir-se-á o seguinte procedimento:

Previamente à realização da pré-inscrição, o interessado apresentará na Escola Internacional de Doutoramento, preferentemente através de um e-mail, uma solicitude de autorização para a admissão no programa de doutoramento com título estrangeiro sem homologar (modelo em Word), a qual irá acompanhada da seguinte documentação original scaneada em formato pdf:

-Cartão de Cidadão.

-No caso de ser um mestrado, será necessário entregar o título prévio ao mestrado.

– Certificação acadêmica oficial onde os estudos realizados estejam registados:

  1. A duração oficial em anos académicos do plano de estudos seguidos.
  2. As cadeiras cursadas com o número de horas de cada uma e também o seu resultado.
  3. A nota média global.

– Diploma de Licenciatura que demonstre que o título obtido serve para tirar estudos de doutoramento (emitido pela Universidade de origem ou o Ministério de Educação do país onde os estudos foram tirados).

Todos os documentos deverão ser originais e ser apresentados devidamente registados e legalizados e se se tivessem sido emitidos numa língua diversa ao espanhol ou inglês, acompanhados da sua correspondente tradução oficial ao espanhol . (Link para a legalizaçao dos documentos)

Quando a autorização seja recebida, poder-se-á realizar a pré-inscrição ao programa de doutoramento correspondente. Esta autorização não pressupõe, em nenhum caso, a admissão ao programa.

NOTA: No momento de realizar a sua inscrição deverá abonar também as propinas acadêmicas que corresponder ao estudo de equivalência de titulações estrangeiras não homologadas na Espanha. Para o curso 2018-19 a propina será de 49,45 euros.